Comerciante teve uma TV furtada de dentro do estabelecimento, e suspeito apontado por ela, dá parte da vítima

Uma comerciante da Boulevard Sebastião Carlos, bairro da Mina, desta cidade Ipu-CE, teve uma TV furtada de dentro do estabelecimento, e suspeito apontado por ela, dá parte da vítima, se dizendo injustiçado, alegando que está sendo acusado sem provas. 
A vítima; uma senhora de nome Lêda, compareceu na Delegacia de Polícia Civil de Ipu, na manhã desta segunda-feira (27/05) para prestar esclarecimentos a despeito desse caso, conforme o que repassou para a nossa reportagem, o furto foi há cerca de uns 20 dias, não tinha dado queixa ainda, porque tentava localizar o suspeito para que pudesse recuperar sua TV, sem a necessidade de comunicar o fato à autoridade policial.
"Tia Lêda" como é mais conhecida, revela que o suspeito é um jovem que passou a ter amizade com o seu filho, e consequentemente começou frequentar constantemente a sua residência, e curiosamente depois que a TV foi furtada o jovem também desapareceu. O comércio teve a porta aberta com muita perícia, sem deixar sinais de arrombamento, e somente a TV Panosonic de 32 polegadas fora subtraída, eletrodoméstico, que inclusive a comerciante ainda está pagando as prestações. 
Confira na sonora abaixo a entrevista direto da DPC de Ipu, nesta segunda-feira (27/05):
 
Copyright © 2012. RÁDIO REGIONAL - ·
Tema desenvolvido por Diego Farias/ Fagner Freire ·