Sérgio Rufino vai se arrepender amargamente de ter sido reeleito, declara Vereadora Efigênia Mororó no programa Fatos em Debate


22/08/17 repórter Chico Zé
No último dia 18 de agosto o Ministério Público Estadual protocolou na justiça local, uma Ação Civil, por ato de improbidade administrativa contra o Prefeito de Ipu, referente ao Brasão da Bandeira do Município, e as cores do PCdoB, partido do chefe do executivo municipal, utilizadas em prédios e obras públicas.
A denúncia foi feita pela então vereadora Efigênia Mororó, ainda na primeira gestão do atual prefeito. Passado todo esse tempo, a Promotora de Justiça de Ipu, Dra. Natália, representante do Ministério Público Estadual, acatou o pedido, por considerar legítimo e com total fundamentação. Agora é aguardar o veredicto do judiciário local, podendo incidir além da improbidade administrativa, em afastamento do Prefeito.
Mesmo ante as denúncias, o executivo municipal mantém o Brasão alterado, com cores totalmente diferentes do Brasão votado e aprovado na Câmara Municipal de Ipu no ano de 2009, e continua pintando os prédios e obras públicas com as matizes do PCdoB, no mínimo ferindo o princípio da impessoalidade e da moralidade.
 
Confira na sonora abaixo entrevista com a autora da denúncia, a ex-vereadora Efigênia Mororó, que enfatizou: "Deixei de ser vereadora, mas não deixei de ser políticia"! Efigênia disse ainda que está acompanhando outras ações de perto, as quais ingressou na justiça, e que breve estarão resultando em mais dores de cabeça ao Prefeito de Ipu:
 
 
Copyright © 2012. RÁDIO REGIONAL - ·
Tema desenvolvido por Diego Farias/ Fagner Freire ·