Mosquita desfalca academias de Ipu

 
É perceptível, por causa das doenças; dengue, zika e chikungunya, transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti, houve um certo esvaziamento das academias em Ipu. Este fenômeno segue uma lógica; quem faz atividades físicas, fica impossibilitado de exercitar o corpo, haja vista qualquer uma dessas doenças, sobretudo a chikungunya deixa o enfermo debilitado, e a principal recomendação médica é repouso.
A cidade de Ipu tem vivido uma epidemia dessas doenças virais do mosquito Aedes Aegypti. Muitos cidadãos já estão com dois três meses que pegaram essas patologias, mas de quando em vez ainda sentem crises, ou seja, ficam com as juntas, enfim quase o corpo inteiro dolorido.
A nossa reportagem conversou com o professor Sales, proprietário da Academia Geração Saúde, que confirmou para a nossa reportagem, que praticamente todas as academias da cidade estão sofrendo esvaziamento em decorrência da dengue, zika e chikungunya:  












Ouça aqui a entrevista completa!

Fonte Repórter Francisco José
 
Copyright © 2012. RÁDIO REGIONAL - ·
Tema desenvolvido por Diego Farias/ Fagner Freire ·