Whatsapp para todos os programas. PARTICIPE!

Whatsapp para todos os programas. PARTICIPE!

Lava Jato: Serginho Firmeza, filho de Sérgio Machado, usava cargo em banco suíço para operar propina da Transpetro

Sérgio Firmeza Machado, filho do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, foi executivo do banco suíço Credit Suisse até abril deste ano e era responsável pelas "operações estruturadas", utilizadas para emprestar dinheiro para clientes como Odebrecht/Braskem.
Para alavancar essas operações, o banco, acusado de lavagem de dinheiro e sonegação de impostos na Itália, lançava papéis que eram adquiridos pelos fundos administrados pelo irmão de Serginho, Expedito Machado Neto, no exterior.
Sérgio Firmeza foi contrato pelo Credit Suisse como analista jr a pedido do pai, Sérgio Machado, quando este ainda era senador pelo PSDB. Serginho chegou a ser diretor do banco em 2013 e renunciou em abril de 2016, quando o pai fechou acordo de delação premiada.
Lava Jato
Investigadores da Lava Jato agora querem saber como o filho de Sérgio Machado usuou o cargo para operar propina desviada pelo pai dos contratos bilionários da Transpetro.

Com informações de O Antagonista via Ceará News 7

 
Copyright © 2012. RÁDIO REGIONAL - ·
Tema desenvolvido por Diego Farias/ Fagner Freire ·